Boa noite, 16 de Julho de 2019

Livramento é destaque no Índice de Governança Municipal avaliado pelo Conselho Federal de Administração

Sexta - 21/06/2019 - 14h30
Por: http://igm.cfa.org.br/ranking-grupo-3/reset:true
Foto: Informe Sudoeste

O Índice de Governança Municipal – IGM-CFA consiste em uma métrica da governança pública nos municípios brasileiros a partir de três dimensões: Finanças, Gestão e Desempenho. Foi elaborado a partir de dados secundários, e considera áreas como saúde, educação, planejamento urbano, articulação institucional, gestão fiscal, habitação, recursos humanos, violência e outras. A partir da construção de extenso banco de dados municipais, que foram extraídos de bases públicas como STN, IBGE, PNUD e DATASUS, realizou-se priorização de indicadores e variáveis e, em seguida, por meio de tratamento estatístico, foi possível gerar um resultado para cada dimensão e para o Índice. Assim como boa parte de suas fontes, o IGM é atualizado anualmente. Nesse sentido, o Índice CFA de Governança Municipal se destaca e se diferencia de todos os demais índices já utilizados no contexto brasileiro para medir a performance municipal uma vez que contempla uma visão mais ampliada sobre as dimensões da governança pública, e em especial, sobre a relação entre as dimensões fiscal, gestão e desempenho. Para observar e destacar o desenvolvimento dos municípios brasileiros, foi criado o Índice CFA de Governança Municipal. Atualizado anualmente, ele possibilita aos gestores e à população uma análise comparativa da qualidade de gestão de cada município. Diferentemente de outros índices, o IGM adota uma visão mais abrangente, contemplando indicadores fiscais, de gestão e de desempenho. São utilizadas diversas fontes de dados de bases públicas como: Secretaria do Tesouro Nacional, Ministério Público Federal, IBGE, Datasus, INEP, entre outras. Para evitar distorções nos resultados, foi agrupado os 5.570 municípios brasileiros em 8 grupos com características socioeconômicas similares. A classificação utiliza os parâmetros de porte e renda per capita. Dessa forma, podemos comparar cidades que têm desafios e oportunidades semelhantes. O município de Livramento foi avaliado no Grupo 3 com municípios de 20.001 a 50 mil habitantes e PIB Per Capita até R$14.460, sendo que na Bahia ficou em 2º (segundo) colocado e no Brasil em 81º (octogésimo primeiro) colocado.

comentários


Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.